A Páscoa 03/05/2011

Sermão
Domingo, 24-04-2011
Pra. Meire Marcilene
Texto: I Coríntios 5:7-8 Lançai fora o fermento!
Tema:  Conhecendo, valorizando e desfrutando de Jesus Cristo;  nosso Cordeiro Pascal.
O que é a páscoa? Não tem nada haver com chocolate.
A palavra significa: passagem. Simboliza a libertação de Israel da escravidão do Egito.
Em Êxodo 12 nos ensina que Deus instituiu a páscoa que significa libertação. Deus mandou que o povo de Israel se preparassem para saírem do Egito. Conforme descrito em Êxodo 12:8 naquela noite os israelitas teriam que preparar o cordeiro sem defeito; símbolo de Jesus Cristo. Comeriam a carne assada, juntamente com os pães asmos, sem fermento; simbolizando a nova vida em Cristo Jesus. Porque o fermento simboliza o pecado. As ervas amargas que comeriam, simbolizando os sofrimentos de Cristo por toda a humanidade. O sangue do cordeiro deveria estar nas vergas das portas para que o Senhor poupasse as vidas que estariam naquela casa. Naquela noite todos os primogênitos do Egito foram mortos tanto homens como animais. O Senhor fez juízo sobre os deuses do Egito.
Eles deveriam comer estando com os lombos cingidos, sandálias nos pés e cajado na mão. Comeriam  às pressas; é a Páscoa do Senhor. Ex 12:11. Isso porque o povo de Israel estava sendo liberto da escravidão do Egito.
Aprendemos com essa história que é preciso querer, tomar postura para obter a libertação em Cristo Jesus. O Egito simboliza o mundo, o pecado que escraviza as pessoas.
Além de querer ser liberto, todos precisam:
1º Conhecer a Jesus o Cordeiro Pascal
Sabemos que no A.T. há muitos ensinamentos e profecias falando sobre Jesus, e todas se cumpriram. No evangelho de João lemos que Deus enviou João Batista, o precursor  de Jesus. (João 1:29) “João Batista viu a Jesus que vinha para ele, e disse: Eis o cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo”. Cordeiro de Deus significa, providenciado por Deus! Precisamos nos conscientizar que o sangue de Jesus nos liberta da escravidão de satanás e da punição eterna. Aleluía!!!!!!!!!!!
Disse Jesus: Eu sou o caminho, a verdade, e a vida, ninguém vem ao pai a não ser por mim. (João 14:6). Precisamos ter em mente essa verdade, dizer isso à nossa alma!
2º Valorizar a Jesus; o Cordeiro Pascal
Jesus cumpriu toda a exigência para sermos salvos. O cordeiro tinha que ser sem defeito. (I Pe 1:18-19) “Sabemos que não foi mediante coisas corruptíveis como a prata ou outro, que fostes resgatados do vosso fútil procedimento que vossos pais vos legaram, mas pelo precioso sangue como de cordeiro sem defeito e sem mácula, o sangue de Cristo!
Precisamos valorizar o sacrifício de Cristo. A nossa salvação que a prata e o ouro não pode pagar.  (Alguns historiadores contam que em tempos passados, os carrascos amarravam um defunto no corpo da pessoa condenada. A pessoa ia morrendo aos poucos, comida pelos bichos.  Assim é o pecado na vida das pessoas, deterioriza! Enfraquece, mata!
Como recebemos Jesus o Senhor, temos que andar Nele. (Col. 2:6)
Jesus cancelou o escrito de dívida que era contra nós, removeu-o inteiramente;  encravando-o na cruz. (Col 2:14). Jesus nos libertou do império das trevas, em Jesus temos a redenção e a remissão dos nossos pecados . (Col 1:13-14).
Temos que buscar intimidade com Jesus todos os dias.
3º  Desfrutar de Jesus;  o Cordeiro Pascal
Hebreus 10: 11-14 leia com atenção esta passagem
Notemos que os sacerdotes judaicos continuam em pé, exercendo a tarefa. Porém Jesus, o sacerdote que ofereceu a si mesmo, está assentado a destra, a direita de Deus. Assentou-se porque sua obra foi consumada.
Visto que a morte veio por um homem, também por um homem (Jesus), veio a ressurreição dos mortos. Porque assim como em Adão, todos morrem, assim também todos serão vivificados em Cristo. (ICo. 15: 20-24).
Temos que desfrutar da excelência de Cristo Jesus. Ter prazer nele, sentir a presença dele, meditar nele, querer ser parecidos com ele! Temos o exemplo de João, o discípulo amado, sempre reclinava a cabeça no ombro de Jesus. Ele estava desfrutando do Cordeiro Pascal.
Sabemos que perseguições virão, mas se Deus é por nós, quem será contra nós. É Deus quem nos justifica (Rm 8:31-33)
Jesus ressuscitou ao terceiro dia, foram soltas as ânsias da morte; porque não era possível que fosse retido por ela. Aleluía!!!!!!!!
O inimigo quer  tirar as pessoas do foco com ensinamentos anti-bíblicos, como sábado de aleluia, boneco de Judas para ser queimado, ovos de páscoa etc. Que possamos nos dias da páscoa enfatizar mais ainda a prisão de Jesus, que ocorreu na sexta-feira, o descanso dele,  no sábado, e a ressurreição dele, no Domingo bem cedo, pela manhã!!!!!!
Conclusão
Jesus antes de sua morte, antes da páscoa, ele comeu com os discípulos a última ceia. Ele deixou essa cerimônia sagrada, a ceia, como sendo a Nova Páscoa, até sua segunda vinda. Enquanto aguardamos a volta do Senhor Jesus, prossigamos a cada dia, em conhecê-lo melhor, valorizá-lo, e desfrutarmos dele, o nosso Cordeiro Pascal.
Jesus é a nossa páscoa!

Jessica Mendonça (159 Posts)


Copyright © 2010 Igreja Batista Jesus é a Vida.

Produzido por tendaestudio