Superando dificuldades

Os Setenta de Moisés – Números Cap. 11

Alguns dos israelitas reclamaram por passar por dificuldades e Deus mandou fogo sobre eles. Acompanhe o desenrolar de alguns fatos que aconteceram:

1. O povo pede socorro para Moisés e, após Moisés orar ao Senhor, o fogo se apagou.

2. O povo estava com muita vontade de comer carne e começou a reclamar da falta da comida que eles tinham no Egito, e desprezaram o Maná. (Ler Nm. 11.4-6)

3. Deus ficou irado e Moisés aborrecido, e então Moisés reclama com Deus por Ele tê-lo incumbido de liderar o povo. Moisés diz que sozinho não consegue liderar o povo, que se fosse para ele continuar sofrendo com tanta pressão, Deus o matasse. (Ler Nm 11.11-15)

4. Deus mandou Moisés reunir os setenta homens, que receberiam parte do Espírito que estava sobre Moisés (a unção).

5. Deus diz que vai dar muita carne para eles comerem.  Moisés então se admira e pergunta como isso aconteceria (Ler Nm 11.21-22).

6. Deus responde  (Ler Nm 11. 23).

7. Moisés ajunta os setenta homens e os pôs ao redor do Tabernáculo/tenda. O Espírito Santo veio sobre eles e então começaram a profetizar.

8. Deus envia as codornas e as pessoas correm para apanhá-las e pô-las para secar. (Ler Nm. 11.32).

9. Deus ficou irado e enviou uma epidemia que matou muita gente. Ler Nm. 11.33

Alguns pontos importantes:

Enquanto setenta pessoas estavam sendo escolhidas para liderar, outras estavam rebelando-se contra Deus e contra Moisés, indo para o caminho da morte.

a. Os setenta foram escolhidos para irem até o fim da caminhada com Moisés, os outros estavam querendo apenas satisfazer a sua vontade de comer carne.

b. Os setenta foram escolhidos para falar ao povo as palavras de Deus, ou seja, ouvir a Deus e guiar o povo no caminho, liderados por Moisés, para que pudessem chegar até o fim da caminhada. Os outros falavam apenas o que o coração queria, mas não estavam preocupados com os objetivos da caminhada, até porque nem criam que chegariam à terra prometida.

c. Os que reclamaram da comida que vinha de Deus secaram junto com a comida que comeram, mas os outros permaneceram na caminhada. Eles não acreditaram no caminho que Deus tinha para eles, desprezaram a provisão de Deus e quiseram o que pedia o coração (cada um colheu cerca 3700 litros/1000 quilos de codornas).

d. Os setenta foram um grande suporte para Moisés poder levar Israel até a terra prometida.

Uma lição prática para os dias atuais:

Podemos passar dificuldades, mas não podemos morrer com elas ou por causa delas;

Não devemos comparar jamais a vida que temos com Deus àquela vida que tínhamos no mundo, sem Deus;

Devemos apoiar a nossa liderança, pois os líderes sozinhos não conseguem fazer todo o trabalho de Deus.

Reflexão

Quero ser um dos setenta, ou quero ser um problema para o meu líder?

Quero ir até o fim para viver o projeto de Deus para a minha vida, ou quero morrer com os meus projetos pessoais?

Quero viver das bênçãos de Deus, alimentando-me com o que vem de Deus, ou quero alimentar minha alma com o que a carne deseja?

Em Jesus, nossas necessidades são supridas.

Um abraço, Pr. Inerves

kedna (28 Posts)


Copyright © 2010 Igreja Batista Jesus é a Vida.

Produzido por tendaestudio